Bandeiras de Angola e de Portugal

LNEG integra consórcio em Angola

O Laboratório Nacional de Energia e Geologia (LNEG) de Portugal integra um dos três consórcios, que assinaram em Luanda contratos com Angola para a execução do Plano Nacional de Geologia (PLANAGEO).

O objetivo é no prazo de cinco anos se concluir o cadastro e mapas completos sobre os recursos minerais existentes, criando um instrumento que vai permitir a Angola conhecer o potencial mineiro do país, determinar o que existe, em que quantidades e onde.   
Posteriormente, essa informação será disponibilizada, conforme as regras do mercado, a potenciais investidores privados, nacionais e estrangeiros.   

O LNEG participa no consórcio dirigido pela empresa espanhola Impulso, em que participa ainda o laboratório congénere espanhol e que vai trabalhar nas províncias do Huambo, Benguela, Bié, Cunene e Namibe.   

Os restantes dois consórcios são dirigidos pela empresa chinesa CITIC e pela brasileira Costa Negócios/Topocart.  

A escolha destas empresas e instituições foi feita em concurso internacional e a área total de intervenção corresponde à totalidade da superfície do país, à exceção de Cabinda: 1.238.877 quilómetros quadrados.   

Os contratos foram assinados com o Instituto Geológico de Angola (IGEO).


Fonte: www.oje.pt | 14 de outubro de 2013

Notícias relacionadas:

LNEG realiza a cartografia geológica e mineira de Angola
In www.diarioimobiliario.pt | 22 de outubro de 2013

Geologia e Minas assina contratos de prestação de serviço, em Luanda
In www.angonoticias.com | 15 de outubro de 2013

Nota de Imprensa do Instituto Geológico y Minero de España (IGEM) 
In www.igme.es | 14 de outubro de 2013

LNEG integra consórcio em Angola
dinheirodigital.sapo.pt | 14 de outubro de 2013

 

 

Pesquisar nesta área