Artigo “Projecto e optimização de uma rede de valorização de lamas industriais com avaliação de impactes e dano ambiental”

A revista Indústria e Ambiente publicou um dossier dedicado à gestão de lamas, cujo modelo foi desenvolvido pela Unidade de Modelação e Optimização de Sistemas Energéticos do LNEG

A revista Indústria e Ambiente publicou um dossier dedicado à gestão de lamas, nº 63 de Julho/Agosto de 2010, onde se apresenta, pag. 26 a 31, um artigo de divulgação intitulado “Projecto e optimização de uma rede de valorização de lamas industriais com avaliação de impactes e dano ambiental”

O artigo descreve, em linguagem simples e com ilustrações gráficas, a aplicação, para o caso das lamas das ETAR industriais e municipais, do modelo geral de síntese e optimização de redes de reaproveitamento de produtos residuais.

Este modelo foi desenvolvido na UMOSE - Unidade de Modelação e Optimização de Sistemas Energéticos - com base nas metodologias da engenharia de processos e integra a metodologia Eco-indicator 99, de avaliação dos impactes e dano ambiental.

Obtêm-se assim soluções de projecto e operação da rede de reaproveitamento que optimizam um indicador económico ou ambiental ou que, em alternativa, equilibram ambos os aspectos.

Documentos

Pesquisar nesta área