Energias renováveis alternativas ganham novo impulso

Agência Internacional de Energia reunida em Portugal

Especialistas de 36 centros de pesquisa europeus anunciaram que os resultados do estudo da Agência Internacional de Energia (AIE) sobre soluções de energia solar térmica e bombas de calor estarão concluídos no final de 2012.

O grupo de trabalho da AIE – Task 44/Annex 38 – reuniu-se pela primeira vez em Portugal, na Póvoa de Varzim, para debater a optimização e a sustentabilidade dos sistemas que combinam energia solar térmica com bombas de calor.

A Energie, empresa portuguesa líder mundial de sistemas solares termodinâmicos e membro da Task 44, foi a promotora da reunião, em parceria com o Laboratório Nacional de Energia e Geologia (LNEG).

O grupo de trabalho apresentou o ponto de situação do estudo que teve início em 2010 e que dá um novo impulso a soluções alternativas de energia renovável.

A grande vantagem dos sistemas combinados de energia solar térmica com bomba de calor, entre os quais se encontra o sistema solar termodinâmico da Energie, é a redução significativa do consumo de electricidade da bomba de calor e o aquecimento/arrefecimento 24h por dia, ao contrário dos sistemas solares térmicos tradicionais.

Recorde-se que a directiva 2009/28/CE considera as bombas de calor uma fonte de energia renovável, dentro de parâmetros que serão anunciados em 2013.

"A Agência Internacional de Energia vai rapidamente certificar a utilidade e sustentabilidade de energias renováveis alternativas, entre as quais a associação entre energia solar e bombas de calor", sublinha Luís Rocha, Presidente da Energie.

"As soluções da Energie enquadram-se perfeitamente nos novos desígnios da energia do futuro e assumem-se como a resposta ideal às actuais necessidades de habitação ecoeficiente", acrescenta.

 

In www.cienciapt.net a 3 de maio de 2012

Pesquisar nesta área