INESC Porto acolhe primeiro Laboratório de Mobilidade Elétrica do país

Já se encontra em funcionamento na Universidade do Porto o novo "Laboratório de Microredes e Veículos Elétricos"

Uma infraestrutura instalada no INESC Porto (entidade coordenadora do INESC TEC) e que coloca Portugal na liderança tecnológica mundial das redes elétricas inteligentes.

Apresentado publicamente no passado dia 20 de dezembro, este laboratório inovador representa um passo em frente na investigação nacional, uma vez que permite desenvolver e validar soluções técnicas que permitam a massificação da integração da microgeração e da mobilidade elétrica. É agora possível testar novas soluções que integram unidades de microgeração e veículos elétricos nas redes de Baixa Tensão num ambiente de teste muito próximo do real.

Com esta nova infraestrutura, os fabricantes portugueses de tecnologia no setor elétrico passam a ter ao seu dispor, em terreno nacional, um laboratório com capacidades únicas para desenvolver, testar e validar tecnologia de alto valor acrescentado e com potencial de exportação. Neste momento, o laboratório – que é pioneiro em Portugal e um dos únicos na Europa – já está equipado com um conjunto de protótipos de inversores inteligentes para controlo de microgeração (solar fotovoltaica e micro-eólica) e baterias de veículos elétricos (bidirecional) com capacidade para se adaptarem autonomamente às necessidades e limitações da rede elétrica.

O "Laboratório de Microredes e Veículos Elétricos" é o grande output do projeto REIVE (Redes Elétricas Inteligentes com Veículos Elétricos). O projeto REIVE arrancou em 2010 e envolveu um investimento total de cerca de 2,6 milhões de Euros, comparticipados pelo FAI (Fundo de Apoio à Inovação) e por parceiros líderes no setor (EDP Distribuição, EFACEC, Logica e REN), contando ainda com o apoio da CONTAR e da Galp Energia. A infraestrutura laboratorial teve ainda apoio do financeiro do QREN via ON2.

Fonte: noticias.up.pt a 7 de janeiro de 2013

Pesquisar nesta área