Unidade de Ciência e Tecnologia Mineral

PLANO ESTRATÉGICO DA UNIDADE DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA MINERAL (UCTM-Lab)

A Unidade de Ciência e Tecnologia Mineral (UCTM -Lab) exerce a sua Missão no domínio técnico-científico da Mineralogia e Tecnologia para a Valorização Industrial dos Materiais Geológicos, desenvolvendo investigação aplicada nas áreas temáticas:

  • Estudos integrados de Mineralogia, Geoquímica e Hidroquímica dos Recursos Minerais
  • Tecnologias de Processamento para beneficiação de Minérios e Minerais Industriais
  • Estudos de Impacte Ambiental em sistemas industriais mineiros

 e dirigida para os seguintes alvos:

-Águas Minerais e de Nascente, -Minerais Industriais, -Rochas Ornamentais e -Minérios Metálicos

A actividade da UCTM -Lab assenta conceptualmente em 3 vectores fundamentais: 

  • Medir com Rigor sendo a medição a base de qualquer processo de investigação científica ou tecnológica, a visão da UCTM-Lab como Laboratório de Referência para os Materiais Geológicos em Portugal, implica o desenvolvimento de uma cultura de rigor analítico, pautada pelo cumprimento de boas práticas e respeitando os formalismos da acreditação de métodos de ensaio (componente de metrologia industrial);
  • Teorizar o Estado Natural– os materiais geológicos são sistemas naturais complexos, quer pela sua enorme diversidade e variabilidade das suas propriedades na ocorrência, quer porque os processos geradores escapam a qualquer controlo humano. Na investigação sobre Materiais Geológicos, a necessidade de lidar com essa complexidade exige um conhecimento profundo da natureza dos minerais e das rochas, que permita interpretar as influências directas e indirectas das propriedades mineralógicas e químicas no comportamento tecnológico dos artefactos finais que incorporem essas matérias-primas – “paradigma mineralógico”;
  • Inovar nas Aplicações– este vector corporiza o “paradigma tecnológico”, no sentido de que o objectivo central da tecnologia dos materiais geológicos é promover o controlo de qualidade das matérias-primas minerais, através da atenuação da variabilidade das distribuições das propriedades tecnológicas do material natural e da centragem da média dessas distribuições sobre as especificações desejadas. O desafio actual é dar um contributo a modernização da indústria mineral, no sentido de promover mais-valias tecnológicas aos recursos nacionais e, naturalmente a sua preservação e exploração racional.

 

 

Essas actividades científicas e tecnológicas desenvolvem-se através do enquadramento em: 

  • Projectos financiados externamente;
  • Contratualizações com empresas;
  • Acções para cumprimento de obrigações da Missão no domínio das funções do Estado.

 

 

02767